Gerenciando usuários

Você pode garantir alto nível de segurança e eficiência utilizando um aplicativo de autenticação de usuário (serviço de login) para gerenciar os usuários da máquina (Serviço de login). Recomenda-se que o administrador gerencie todos os usuários de acordo com seu ambiente operacional e medidas de segurança obrigatórias. Funções de gerenciamento de usuário

Serviço de login

Um aplicativo de autenticação de usuário (serviço de login) chamado "Autenticação de usuário" é usado como o principal método de gerenciar os usuários da máquina. Com o serviço de login de Autenticação de usuário, a autenticação pessoal pode ser executada para usuários com base no nome de usuário e na senha registrados para cada usuário. As informações do usuário são verificadas no banco de dados dentro da máquina ou em um servidor de autenticação externo. Com a capacidade de definir precisamente quais funções estão disponíveis para cada usuário, você pode personalizar operações da máquina e melhorar a segurança limitando o acesso a determinadas funções. Também pode ser possível usar o Gerenciamento de ID do Departamento para gerenciar grupos, dependendo do dispositivo usado para autenticação.
Se você não usar a função de personalização, configure <Enable Use of Personal Settings> (<Enable Use of Personal Settings>) como <Off>.

Funções de gerenciamento de usuário

O gerenciamento de usuário por fornecer as vantagens descritas a seguir. Para proteger dados importantes e reduzir custos, você pode limitar o acesso à máquina e definir o intervalo de operações que está disponível para os usuários.
Evitando uso não autorizado por terceiros
Como o uso da máquina é limitado a usuários aprovados, o vazamento de informações devido ao uso não autorizado por terceiros é evitado, mesmo se a máquina está situada em uma área ocupada que está aberta a pessoas de fora.
Configurando os níveis de privilégio
Com o gerenciamento de autenticação pessoal, você pode definir o intervalo de operações disponível especificando a função (nível de privilégio) para cada usuário. Por exemplo, você pode selecionar a função do Administrador para conceder privilégios de acesso completo, a função do Administrador de rede para permitir a definição de configurações relacionadas a rede ou a função do Administrador de dispositivos para permitir a definição de configurações de informações do dispositivo e as configurações para chaves e certificados que são obrigatórias ao usar determinadas funções. Ao selecionar e atribuir vários níveis de privilégio aos administradores, você pode operar de maneira mais eficiente como uma equipe ao lidar com várias tarefas de gerenciamento de máquina.
Configurando restrições de uso
O gerenciamento de autenticação pessoal permite que um usuário com privilégios de Administrador gerencie a faixa de operações que estão disponíveis aos usuários. A capacidade de configurar restrições de função para cada usuário oferece a você controle mais preciso no gerenciamento do usuário.
Gerenciando grupos de usuários
Usuários podem ser atribuídos a grupos com base no ID do departamento (Gerenciamento de ID de departamento), permitindo que você verifique o número total de páginas impressas ou digitalizadas para cada ID de departamento. Você também configura limites específicos para cada ID de departamento, como um máximo de 500 páginas impressas ou um máximo de 200 páginas copiadas. Esta função pode ajudar a aumentar a consciência de custo e oferecer dicas de como melhorar suas operações.
Otimizando as configurações para cada usuário
Diversas configurações podem ser salvas para cada usuário e aplicadas no login. Os usuários podem criar botões Pessoais e podem especificar uma pasta Pessoal na rede. Também é possível para a máquina lembrar senhas quando elas forem inseridas, possibilitando que os usuários façam login novamente sem inserir a senha.
Associando contas de usuários a conjuntos de chaves para operações contínuas
Quando as informações de autenticação são diferentes das informações de autenticação usadas quando é necessário fazer o login, as informações de autenticação devem ser inseridas uma vez mas não precisam ser inseridas novamente quando a autenticação é bem sucedida. Essas informações de autenticação são chamadas de conjunto de chave. Como conjuntos de chaves são associados a contas de usuários, as informações de autenticação não precisam ser inseridas novamente, mesmo se a alimentação da máquina é DESLIGADA.
Associando contas de usuário a IDs de departamento para restringir o número de cópias e impressões
Contas de usuário de Autenticação de usuário podem ser associadas a IDs de departamento. Ao especificar antecipadamente restrições de cópia e de impressão para IDs de departamento, você pode aplicar as restrições ao número de cópias ou impressões para cada departamento ao qual um usuário pertence. Para obter mais informações sobre como associar contas de usuário a IDs de departamento, consulte Registrando informações de usuário no dispositivo local. Para obter informações sobre como especificar restrições de acordo com o departamento, consulte Definindo as configurações de gerenciamento de ID de departamento.
9CF2-0FH